quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Sensações, subentendidas ou figuradas...




Há épocas em que parece tudo fora do lugar...

Quando vivemos mudanças, até que tudo 'se ajeite', tropeçamos em caixas, coisas que foram ficando pelo caminho... ás vezes a pancada machuca, ou você escorrega e cai...

No correr do dia, por vezes não sabemos onde ficará melhor cada parte...

As paredes por pintar... um lar a construir!

Tantos planos imaginados pros dias que virão...!!

Desejos em compartilhar, dividir, multiplicar sonhos...

Ás vezes no seu canto existem os medos, naturais e passageiros... nessas horas deseja-se um colo, ou um olhar... Talvez simplismente soltar palavras presas, e também ouvir...

Sentir o acolhimento... encaixe!

Há dias em que as palavras desejam ser figurativas, porque não?! ...subentendidas, como um simples olhar...


1 comentários:

Alcindo -Vulgo: Cidão disse...

Oi Rai... Não poderia deixar de retribuir a visita e, muito menos, de agradecer pelas palavras.
Percebi o pulso do seu coração em seus dedos... Aproveitou para desabafar o q sentia a alma? rs
Em seus versos pode-se sentir emoção jorando como sangue em uma artéria.rsrsrs
Bom..Muito bom.. Simples e transparente.

Bjim no coração

23/12/08 04:52
Blog Widget by LinkWithin
 

©2011, | by TNB