Tu silencio

Foto por: José de Holanda - holandazé in Flickr 


Me regalas con tu silencio
igual que un brindis a las incertidumbres
que rellenan las calles frías...



Eu ganho teu silêncio como um brinde às incertezas que preenchem as ruas frias...
                                                                                                                        [#teclasap

Raiana Reis

Read More

Eu já não sei se eu tô misturando...


Talvez apenas uma das mais tocadas, mas sempre um presente inesquecível de se ouvir... 
Deles, e das recordações... 

Read More

Esfinges





Então pediam mais que a sinopse,

um fichamento inteiro
Esfinges não exibirão seus mapas

E ainda possuirão tesouros

Raiana Reis

Read More

Verdades




Da mentira à verdade,
basta a linha tênue do consentimento.


Raiana Reis




Read More

Sinais

Sinto.
No viés dessa intensa forma
Sinto pelos gestos, quando também calam
Sinto se há desejo imantado dos olhares
Sinto pelas letras noutras linhas tortas
Sinto
Em distâncias e proximidades
Sinto - sem saber
Na espera dos sinais


Raiana Reis

Read More

Guache

Imagem por Liniers  Macanudo


Há então de vir raiar
Sol de mel risonho
Azulzinho no céu guache
Algodão em doces nuvens

Alecrim no cheiro
Arco em cores íris
Gira o sol nesse jardim

Ciranda em sorrisos
Beijos caramelos
Inocência, inquietação

Há então de vir brilhar
Lua queijo em noite
Estrela desenhada
Nossos sonhos infantis

Raiana Reis

Read More

Nordestina, sim sinhô!

Foi aqui - o início de toda a exploração, toda a imposição, o massacre de um povo em suas terras. Assim começou o Brasil colônia e as terras eram nordestinas.
Sim, há ainda pedaços de solo árido, pedaços de terra seca esturricada, as riquezas exploradas, há gente sofrida e desamparada, mas como dizia o Euclides da Cunha, há uma gente que é, antes de tudo um forte.
A região do nordeste brasileiro, composta por 9 estados, ao contrário do que pensam os que desconhecem suas terras, há uma diversidade imensa, de culturas, recursos, sotaques, belezas naturais e de povo - embora seja o ponto onde converge todas as características, se não por uma homogeneidade, mas por uma comum união, por um sentido único de solidariedade, pelo seu instinto de combater aquilo que igualmente os agridem.
Em face dessa heterogeneidade dentro da região nordeste, não vivo na pele a problemática da seca, ou a falta de oportunidade para qualificação, recursos ou mercado de trabalho... Aracaju, minha cidade natal, tem ótimos índices de desenvolvimento, inclusive o recente título de capital brasileira de melhor qualidade de vida. Apesar de não sofrer as mesmas agruras de outras terras nordestinas, as mesmas dificuldades e sofrimentos de um povo batalhador, eu faço parte deste mesmo grupo e com orgulho. É uma vasta extensão territorial, somos muitos, mas somos um.

E não é assim que deveria ser meu Deus? Onde está a unidade tão ensinada aos teus? Se não existe em totalidade, por que nem ao menos dentro de uma mesma nação?
Claro que os questionamentos não são para o Mestre, mas para aqueles que deveriam ser seus aprendizes.
Somos uma nação que apenas veste a mesma camisa a cada quatro anos, e apenas ali constrói uma falsa imagem de união. Por trás de toda a cortina canarinho, há um povo que segrega, que se afasta entre si, que discrimina a riqueza de suas diferenças.

Motivados a conseguir conquistar com braço forte oportunidades maiores, muitos foram os que migraram e alguns ainda o fazem. Com a cara, a coragem e trabalho árduo, ajudaram a construir o que é hoje regiões como a grande São Paulo. Esta mesma terra que algum dia lhe foi encanto, é a mesma que agora no usufruto de seus esforços, os repelem. E não precisa estar lá para sentir. Basta assumir a sua origem e partilhamos o pão que assim amassam.

Nem todo nordeste é sertão, mas ainda que fosse não seria defeito. Sou nordestina sim, obrigada!

Esse vídeo mostra um pouco desta triste realidade brasileira, conscientizemos!

Read More

Das sensações

Foi assim, um despertar pós diálogo interno e raiar o dia preenchida de sensações - que apesar de minhas brotavam para ser entregue.
Dessas, com sobrenome e endereço no envelope.
Dessas, tão minhas por serem confessas e tão suas ao provocá-las a existência.
Freud não justificou os porquês de tais sementes que medram do peito com natureza própria, cientistas e filósofos descrêem de tudo que não pode ser visto. – Eu prefiro a fé dos que apenas sentem, de que me serve a lógica? Bobos e felizes são os poeticamente vivos, ao guiar-se na intensidade dos seus instintos falhos.
E foi um amanhecer de comadres tricoteiras, a conversar baixinho aquilo que já se sabe no cotidiano... Desde aquela vez quando percebi a tua dor em mim, desde cada raio nascente de sorriso aos carinhos teus, desde que vejo cada vez mais nítidos teus traços e cores em cada canto que me traz você.
Toco-lhe a face assim, - ainda que em pensamento - num gesto único que exprima este carinho, e que não te assuste, confunda ou me precipite anseios. Te olho como se tão próximo dissesse: Que as sensações estão entregues por serem somente tuas e em cada nuvem eu me faço em esperas.
Tenho-te perto por sentir-te dentro, ainda que talvez não saiba onde em ti me encontro.
E não importando as direções...
Voa meu menino, que deste lado eu sopro para somar ao vento uma mistura de carinho e energia, desejando que em tuas asas seja o combustível-extra, caso necessites.

Raiana Reis

Read More

Meninos e brinquedos



Datas trazem sempre recordações, ainda quando não são tuas...
E esta traz por um momento o que viria após o papel de presente. Por esquecer ao fazer o embrulho, que meninos esquecem no amanhã o seu brinquedo novo.

E nunca imortal, posto que é chama... mas coube a um velho instante.


Raiana Reis

Read More

É só você morrer de amor que a chama do amor não morre

Filosofia de amor não é rei nem doutor
Quem aprende
Só vai sair vencedor de um combate de amor
Quem se rende
Filosofia de amor só não é sabedor
Quem renega
Só vai prender seu amor e virar seu senhor
Aquele que se entrega

E o poeta é o professor
Que ensina todo dia
Filosofia de amor!...


Música do Jota Maranhão, compositor parceiro do Jorge Vercillo em tantas músicas, como essa abaixo, que me faz sonhar - por que não? - Numa conjunção até hoje só vista nas composições...

Read More
Blog Widget by LinkWithin
 

©2011, | by TNB