quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Tu silencio

Foto por: José de Holanda - holandazé in Flickr 


Me regalas con tu silencio
igual que un brindis a las incertidumbres
que rellenan las calles frías...



Eu ganho teu silêncio como um brinde às incertezas que preenchem as ruas frias...
                                                                                                                        [#teclasap

Raiana Reis

4 comentários:

Angela Reis (Luna Luz) disse...

Adorei o comentário que me deixou lá prima, obrigada! =)

A frase acerca do silêncio ficou perfeita! Bom, sabes que adoro a forma como escreves =*

Jesus te sbençõe! Grande beijo ;)

29/10/10 17:42
Sanderley Lobato disse...

Minha querida Raiana, linda, profunda e envolvente poesia. Nos releva até à melancolia diante "...às incertezas que preenchem as ruas frias...". Visite-me. Bjss.

30/10/10 01:49
Rebeca disse...

e esse silêncio? presente calado ou falante? omisso? pensante? quieto? doído? SiLêNcIo GrItAnTe?
Sinceramente: Não sei. Não gosto de ganhar presente assim.

qual o gosto desse brinde?
é um presente msm? ou um drink?

presente morno, futuro quente talvez?
Não sei. Por enqto... Drink gelado... que preenche as ruas frias.


Beijo. ;)

31/10/10 12:25
Poeta Da Colina disse...

Ah, a importância de um silêncio

31/10/10 19:21
Blog Widget by LinkWithin
 

©2011, | by TNB